photo-1563013544-824ae1b704d3

Veja como vender online na Black friday 2019

Está chegando um dos momentos mais badalados do ano: a Black Friday 2019. Este período é amplamente aguardado pelos consumidores de modo geral, pelas promoções arrasadoras. As pessoas não somente esperam por esse dia, como também costumam acompanhar os preços e condições dos seus produtos desejados com meses de antecedência, para obterem a melhor vantagem com produtos das suas marcas preferidas. 

Contudo, nós temos também o outro lado: o de quem deseja vender, além de comprar. Se você está nesse time e quer saber como vender online na Black Friday, mesmo que você ofereça serviços ou infoprodutos pela internet, venha com a gente! Aqui, vamos te ajudar a tecer as principais estratégias e obter os melhores resultados.

O que é a Black Friday?

É importante, além de ser interessante, saber de onde surgiu e o que significa essa data tão comentada por nós aqui no Brasil e vários outros países. Uma tradição importada dos Estados Unidos e que foi tão bem encaixada em nossos hábitos de consumo, não pode passar despercebida.

Há várias teorias para o surgimento dessa expressão, mas a parte da história mais aceita para o surgimento da Black Friday foi a seguinte: na década de 60, policiais da Filadélfia percebiam um intenso movimento na cidade, um dia após o Dia de Ação de Graças, uma data comemorativa nos Estados Unidos, no Canadá e nas Ilhas do Caribe. Esse movimento tornava esse dia cansativo, agitado e confuso. Eles entenderam que, por isso, faria sentido apelidar essa sexta-feira como Black Friday.

Mas, o que isso tem a ver com as promoções nas lojas?

Bem, essa quinta-feira (Dia de Ação de Graças) é um feriado e, só por isso, já se justifica o intenso movimento nas ruas logo no dia seguinte. Além disso, nessa sexta-feira era comum ser dada a largada para as compras de Natal. Esse era um hábito americano que fazia das ruas ainda mais movimentadas. Isso fazia com que os lojistas ficavam entusiasamados e aproveitassem ao máximo esse movimento e, claro, acabavam oferecendo promoções imperdíveis.

Hoje, a Black Fridayé comemorada e levada a sério pelo comércio brasileiro e demais países sul americanos. No Brasil, essa epoca coincide com os dias depois do recebimento da primeira parcela do 13º salário pela maioria dos trabalhadores assalariados e então, tornou-se uma data bem propícia para as compras por aqui.

A data hoje movimenta milhões de reais em vendas no Brasil, com recordes a cada ano e já se estende para a Cyber Monday (segunda-feira seguinte à Black Friday), que foi uma adaptação criada por alguns países e que também foi incorporada às nossas tradições comerciais.

Com planejar a Black Friday

Agora que você já compreende a importância da Black Friday, precisa saber como se planejar para não ficar de fora dessa. Primeiramente, você precisa saber que não há uma data específica para a Black Friday. Ela sempre acontece em novembro, um dia após o Dia de Ação de Graças e, neste ano de 2019, a sexta-feira de promoções será no dia 29/11. Geralmente a última ou penúltima sexta de novembro, mas sempre nesse mês.

O que é mais necessário de saber é que, embora as pessoas estejam afiadas para comparar preços e os acompanham desde meses antes, há critérios que são levados em conta além disso. 

Pesquisas recentes mostraram que a confiança na marca ou indicações continuam pesando bastante no momento de comprar. Por isso, cuide da reputação de sua marca de modo permanente e se preocupe com a satisfação dos seus clientes e mantenha uma relacionamento com ele.

Então, separamos aqui alguns tópicos que você precisa seguir para que sua Black Friday seja um sucesso:

  • compreenda o que o seu cliente quer/precisa;
  • divulgue seu produto com antecedência;
  • se for um produto físico, garanta o estoque;
  • mapeie e planeje as ações de Marketing.

Como vender online na Black Friday 2019

Para detalharmos melhor sobre como você poderia se prepara para vender online na Black Friday, vamos entrar em alguns tópicos importantes.

Crie um plano tático e operacional

Você precisa estabelecer quais serão suas táticas para alcançar suas metas com sucesso. Então, é preciso delimitar:

  • quais serão suas ativações (canais que vai usar);
  • como você vai atender;
  • como produzir os produtos;
  • se tem estrutura para atender a todos os pedidos, etc.

Esse plano tático vai ajudar você a alcançar suas metas de vendas online e não falhar com o seu cliente.

Crie descontos irresistíveis

Já que é para dar desconto, faça de um jeito que seu cliente vai perceber que está tendo vantagem. Se o cliente não sentir que está sendo beneficiado com a sua promoção, não compensa nem entrar na campanha. 

Logo, ofereça descontos que vão fazer diferença para o seu cliente. Além de atrair as pessoas, você vai conseguir converter mais e ter mais clientes novos e recorrentes.

Faça promoções atrativas

Além de oferecer descontos e condições exclusivas para esse dia, esteja pronto para fazer promoções que estimulem a participação do público e conteúdos para Black Friday. Seja criativo, use canais diferentes e impacte o seu cliente de modo que ele tenha, ao menos, interesse em conhecer o seu produto. 

Isso faz toda a diferença para o cliente que passará por esse processo de decisão entre a sua e outras marcas.

Análise dados

É importante você conhecer e entender a sua performance neste dia promocional, para estipular metas factíveis e para investir proporcionalmente ao retorno. Assim, você não deixa de aproveitar todo o potencial dessa data. Então, por exemplo: se sua performance costuma ser 30% maior nos dias de Black Friday, um investimento em marketing de até 30% a mais ainda é considerado seguro.

Reforce a segurança

Neste período, o volume de compras é alto, então é importante estar atento ao uso de cartões de crédito ou outro meio de pagamento que seja vulnerável para fraudes. Não somente para pagamentos, mas também para a segurança do seu site contra ataque de hackers interessados em dados ou qualquer outra má intenção.

Cuide da Logística

A logística não é algo em que somente os vendedores de produtos físicos devam se preocupar. A disponibilização do produto, o fluxo de compra a experiência do usuário no ato da navegação são exemplos de cuidados importantes. 

Isso porque uma logística mal elaborada pode causar uma experiência negativa ao cliente, além deoutras frustrações nesse período.

Anuncie seus produtos

Use as redes sociais e demais ferramentas de busca na internet para anunciar a sua promoção. Faça com que ela chegue ao seu cliente. Usar o Close Friends do Instagram, por exemplo, é uma forma diferenciada, que estimula engajamento e tem um alto potencial de entrega e interação com a campanha.

Faça um convite para os seus seguidores tornarem-se Melhores Amigos na rede e use esse canal para divulgar os descontos exclusivos da Black Friday.

O que não fazer na Black Friday

Bem, dar dicas de como vender online na Black Friday 2019 é fundamental. Mas, tão importante quanto, é você saber o que não fazer nesta data tão importante para o comércio. Veja quais são os principais erros que devem ser eliminados da sua campanha.

Aumentar o preço nas vésperas

Você já deve ter ouvido os termos: “Black Fraude” e “Leve tudo pela metade do dobro”. Esses são jargões que surgiram a partir de práticas como essa: ir aumentando o preço dos produtos durante o mês de novembro, aos poucos, para que, no dia da Black Friday, eles ofereçam um “grande desconto”. 

Fazer isso é enganar o consumidor e não se iluda: vai ser perceptível e divulgado pelo seu público, causando péssimas referências da sua marca.

Não preparar o site

É comum que o seu tráfego aumente. Se você está fazendo campanha e prometeu descontos para esse dia, o seu cliente vai querer acessar para ver e comprar. Então, prepare os servidores e garanta que o tráfego esperado não vá derrubar o seu site. Se isso acontecer, você não vai conseguir vender para todos os interessados, causando prejuízo e desgaste com o cliente.

Não dar suporte

Muitos usuários que ainda não estão acostumados com os seus produtos e com a sua marca podem não saber tudo sobre eles. Além disso, caso haja alguma dúvida de navegação no site ou sobre pós-vendas, esteja pronto para ajudar. Algumas dúvidas bobas podem impedir que o usuário do site vire um cliente.

Então, prepare uma página com dúvidas frequentes (FAQ) e esteja disponível no chat, telefone ou outros canais pelos quais você consiga atender ao seu cliente.

Conclusão

Bem, pudemos ver que a campanha da Black Friday precisa ser bem elaborada, porque não trata-se de uma campanha qualquer. Todo o comércio, sobretudo o virtual e o remoto, vai estar envolvido e os consumidores em geral, prontos para comprar.

Então, se programe, planeje e esteja pronto para vender online na Black Friday de 2019. Essa preparação envolve, inclusive, a criação de um plano de ação para lidar com imprevistos que possam surgir nesta data. Prepare o seu atendimento e esteja pronto e afiado para receber todos os clientes na loja ou no site! 

Se você acha que precisa de ajuda para movimentar a sua campanha no Instagram, não perca tempo e conte com uma ferramenta de gestão! Entre em contato e conheça os recursos que vão ajudar você a ter controle, acompanhamento e mais resultados!

Share this post

Powered by Bume.